quarta-feira, 4 de setembro de 2013

puzzles nas férias






Durante as férias, tenho o tal velho hábito de espalhar as peças de um puzzle sobre a mesa da sala, de forma a que quem por lá passe vá parando e se vá demorando a encontrar o lugar de uma ou duas. Na verdade, acabo por passar grande parte das horas de almoço e serões agarrada a ele, quase como se terminá-lo fosse uma urgência. O problema é que, no Verão passado, começámos um puzzle que é um verdadeiro quebra-cabeças, ninguém o conseguiu acabar e, não só transitou para este ano, como vamos ter de o continuar no próximo. As peças azuis são TODAS iguais. É irritante, só vos digo.

10 comentários:

R. disse...

As saudades que eu tenho de montar um puzzle... Que boa ideia a tua, mulher!

Isabel de Guimarães disse...

Nunca me atrevi a fazer um puzzle tão grande. O máximo que já fiz foi daqueles pequeninos, tão pequeninos que eram o brinde do ovo kinder... Deve ser bem giro!

Paula_2700 milhas disse...

Esse que estás a fazer é difícil! Sei que é iritante, mas não dá para lhe virar as costas! É um dos passatempos que temos cá em casa, fazer puzzles de 1000 peças, daqueles de nos pôr a soprar :)

nobody listening disse...

uau!!! Granda puzzle :D

Débora disse...

Adoro :) Os últimos que fiz foram há vários anos, umas fotografias docinhas da Anne Gueddes, de 1000 peças cada. Ainda ali estão, à espera de moldura!
(havia de ser uma coisa bonita, eu espalhar agora um puzzle aqui em casa... oh dura realidade :P)

Débora disse...

Fiquei cá com uma vontade de dar aí uma ajudinha nas peças azuis!! :)

Raquel Henriques disse...

Que maluquice, eu gosto de puzzles mas só de olhar para a quantidade de peças azuis até me arrepiei... antes um daqueles foleiros cheios de flores mini... sempre se vê uma esperança ao fundo do túnel...

Dulce disse...

Todos os puzzles são irritantes, só te digo!

Dulce disse...

Todos os puzzles são irritantes, só te digo!

Dulce disse...

Todos os puzzles são irritantes, só te digo!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...