quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

os intermináveis serões de Inverno




O frio traz-me de volta às lãs. Estou a tricotar uma manta cinzenta às riscas. O tricot é bom porque ocupa-me as mãos, descontrai-me a cabeça e produz resultados. Além disso, tinha cá por casa 3 sacos com lãs muito macias há demasiado tempo e precisava de as gastar de alguma forma. Para descansar do crochet, recorro ao tricot. Qual dos dois preferem?

11 comentários:

Alexandra B. disse...

olá Raquel! Eu ando a iniciar-me no tricot e no crochet... Devagarinho porque a prática não é muita [quase nenhuma!], mas já consegui fazer um cachecol para o M. e uma espécie de gola-gorr para mim! Agora queria experimentar outras coisas...mas não sei bem o quê nem como!... Por acaso tens ideias e tutoriais que possas emprestar? Prometo que depois envio fotos dos resultados! Obrigada pelo blog e pelas ideias que cá deixas! O meue email: alexandra.baiao@gmail.com

R. disse...

Gostava tanto de saber lidar com as lãs... Não sei. A mum já tentou ensinar, mas troco-me toda com as duas agulhas...

:)

Anónimo disse...

Liga e meia, ou fazes algum ponto especial

Nani disse...

Eu gosto sempre do que me dá mais luta. Como estou a iniciar o crocht, estou a achar piada. Tricot fiz muiiito. Desde miúda! ;)

sara disse...

Tricot: simples simples, ou com pontos complicados, daqueles que é preciso seguir grandes esquemas. Acho que vou começar um cachecol com a lã verde da boina:)
(isto porque nunca me aventurei no crochet)

Guilhim disse...

Eu o crochet descobri há muito pouco tempo e é o que agora me atrai mais. A malha aprendi em miúda e volta e meia lá sai qualquer coisa, mas tudo muito básico... fazem falta as revistinhas que existiam no tempo das nossas mães, com padrões e moldes.

Beijinhos e vai-nos dando conta da manta!

Raquel Úria disse...

Não sou nenhuma especialista em tricot, aprendi o básico com a minha mãe e a minha avó materna e, apesar de ter alguns "esquemas", o que faço é quase sempre bastante simples e conseguido principalmente por tentativa/erro. Não aprendi os nomes dos pontos mas acho que de facto aqui estou a usar só meia e liga alternados linha a linha e invertidos de vez em quando para criar as riscas. Não sou muito boa a explicar, por isso depois fotografo e mostro o que quero dizer - assim que a manta comece a crescer mais e seja bem percetivel.

À Alexandra B., assim que consiga digitalizar umas imagens, prometo enviar e-mail personalizado ou tentar fazer um post sobre isso (amanhã é sábado!).

Não sei se concordam mas eu gosto mais do resultado final no tricot e no entanto dá-me mais prazer fazer o crochet. Claro que há excepções flagrantes, mas regra geral é assim. Daí o dilema. :)

Catarina disse...

Nem um nem outro :D

ana disse...

eu estou a fazer uma túnica com um sol. Há muito tempo que não tricotava. comecei com esta para me habituar ao jacquard orque o que quero fazer é uma camisola com nuvens;)

Raquel Úria disse...

Que gostar de malha deve procurar o último número da marie claire idées (nº88 de janeiro . fevereiro 2012). Encontra-se à venda em todos os bons quiosques e papelarias e tem muitas ideias.

Raquel Úria disse...

*Quem

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...