terça-feira, 4 de setembro de 2012

tarteletes salgadas & recuerdos del Ecuador



Já passou mais de um ano desde que a Catarina e o meu irmão regressaram das Galápagos. Estas argolas de guardanapo vieram de lá nessa altura e, sempre que as uso, é inevitável lembrar-me do quanto custa ter as pessoas de quem gostamos longe e ficar feliz por os saber bem e por perto. E não é que agora estejamos muitas vezes juntos (não estamos de todo) mas há aquele aconchego de sabermos que em menos de 2 horas de viagem nos podemos ver.
As argolas de guardanapo são giras e nem precisavam de história para eu gostar delas, assim só gosto mais!





 1

2

3

4

5

e... mesa!

1 comentário:

Nani disse...

Os teus últimos posts sobre recordações de infância... e agora de irmãos no estrangeiro (tenho 2!!!) estão quase a levar-me às lágrimas. Tou lamechas... Preciso duma tartelete. ;)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...