segunda-feira, 19 de março de 2012

dia do pai

Se há momentos na vida que não podemos deixar de assinalar vincadamente, um deles é o momento em que o nosso mano "pequenino" (um irmão mais novo é sempre pequenino aos nossos olhos!) passa a ser PAI. É uma felicidade e um orgulho indescritível. E a Júlia, pelas palavras do próprio pai, "é igual aos outros bebés todos, só que muito mais bonita!". Eu confirmo.


9 comentários:

Ana Nunes disse...

ai, que lindo post :)

Catarina disse...

A Júlia é uma sortuda por ter um pai assim!!!!! :) O melhor do mundo!

** Então e cortas-me assim a cabeça do homem?!? :)

R. disse...

Raquel Úria disse...

Catarina: este blog é público mas eu valorizo muito a minha privacidade e a dos que me rodeiam. Mas olha que vontade de exibir fotografias da Júlia não me falta, controlei-me! :)

Ana Rute Oliveira Cavaco disse...

é linda, sim, que eu já vi a carinha dela.

Nani disse...

:)

Trabalho a 4 mãos disse...

Que lindo post do dia do pai. Pelo que me parece a cor do cabelo da Júlia puxa mais à mãe, não?
beijinhos e parabéns.
Sílvia

Raquel Úria disse...

:)

Sílvia: para já sim,! Ela nasceu com mesmo muito cabelo e que já nos disseram que é normal cair e depois voltar a nascer e pode vir diferente. O tempo o dirá!

Selma Tabita disse...

Este post escapou-me. Mesmo bonito.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...