quarta-feira, 23 de abril de 2014

quando os dias "crescem"



Ontem foi o Dia da Terra, hoje o Dia do Livro e ambos seriam excelentes pretextos para se escrever muita coisa. No entanto, a efeméride que marcou o meu último par de dias foi a de sair do trabalho depois das 19h30 e ainda chegar a casa antes de anoitecer. Poder jantar com a luz do Sol por candeeiro e voltar a ter o céu azul a cumprimentar-me do lado de fora da janela ao final dos dias é o melhor desta altura do ano.


4 comentários:

Val disse...

É bem verdade que os dias longos não têm preço! bj

Lulu walkingonsunshine disse...

Espero que já estejas restabelecida :)
Essa tua sala de jantar tem cá uma vista :)
Adoro também sair do trabalho e poder ainda aproveitar a luz do dia .
Bom fim de semana
bjs
Lulu

Nina Braz disse...

Oi Raquel,
Por aqui os dias estão encurtando.
Deve ser linda a vista da janela.
Beijos

Raquel Úria disse...

Pois é Nina, mas aí nunca fica tanto frio como cá, certo? :) Que maravilha!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...